Tanto o ASTM A36 quanto o SAE 1020 são aços com baixo teor de carbono e de uso geral. Por isso, muita gente tem dúvida de qual a melhor opção para a finalidade necessária. É o seu caso? Então continue a leitura e descubra qual deles — aço A36 ou 1020 — é o melhor para sua indústria!

Além dessas duas ligas de aço, aqui na Aços Nobre você encontra um vasto estoque de metais para pronta-entrega. Solicite seu orçamento online, nossa equipe retorna seu contato rapidamente para conversarmos sobre suas necessidades.

Solicitar Orçamento

Você também vai gostar de ler:

➡️ Diferença entre aço e ferro fundido

➡️ As propriedades do aço 1020

➡️Saiba tudo sobre o ASTM A36

Descubra o melhor metal para sua necessidade: aço A36 ou 1020.

Diferença entre aço A36 e 1020

Tanto o aço carbono ASTM A36 quanto o aço SAE-AISI 1020 são ligas de ferro-carbono. Assim, ambos fazem parte do grupo de aço carbono.

Os aços da especificação ASTM (American Society for Testing and Materials) são comumente utilizados em estruturas metálicas, tendo como principais características as propriedades mecânicas utilizadas normalmente para o projeto do cálculo estrutural.

A36 é um aço de baixo carbono. Isso permite que seja facilmente usinado, soldado e formado, tornando-o extremamente útil como um aço de uso geral. O baixo teor de carbono também evita que o tratamento térmico tenha muito efeito no aço A36.

O aço 1020 também é um aço de baixo carbono e de uso geral. É um dos tipos de aço carbono mais comum. É utilizado para cementação com excelente custo-benefício (quando comparado com aços liga para o mesmo propósito!).

Confira a diferente entre o ASTM A36 e o SAE 1020

Composição química

Sua composição média de liga é basicamente idêntica:

A36 1020
– C: 0.25-0.29;
– Cu: 0.20;
– Mn: 1.03;
– Si: 0.28;
– P: 0.040;
– S: 0.050
– C: 0.17-0.23;
– Mn: 0.30-0.60;
– P: 0.040 (máx.);
– S: 0.050 (máx.)

Essas pequenas quantidades de outros elementos de liga — como manganês, enxofre, fósforo e silício — são adicionados para dar ao aço A36 as propriedades químicas e mecânicas desejadas.

Condições de fornecimento

  A36 Barras laminadas sem acabamento mecânico, trefiladas e forjadas nos formatos redondo e chapa / retangular.
  1020 Barras laminadas sem acabamento mecânico, barras trefiladas e forjadas nos formatos quadrado, redondo, sextavado e retangular.

➡️ Orçamento online de barras de A36

➡️ Orçamento online de barras de 1020

Propriedades

O ASTM A36 possui resistência, conformabilidade e excelentes propriedades de soldagem que o tornam adequado para uma ampla variedade de aplicações, incluindo soldagem, fabricação e dobra.

Já o SAE 1020 possui alta usinabilidade, resistência e ductilidade, boa soldabilidade e pode ser endurecido por cementação ou por outros tratamentos de superfície.

Propriedades dos aços de baixo teor de carbono A36 e 1020

Confira mais detalhes abaixo.

Propriedades Aço A36

🔸Densidade: 7.85 g/cm³ (0.284 lb/in3)

🔸Ponto de fusão: 1.425-1.538° C

🔸Resistência à tração: 400 – 550 MPa

🔸Resistência à tração (rendimento): 250 MPa

🔸Alongamento na ruptura (em 200 mm): 20.0%

🔸Alongamento na ruptura (em 50 mm): 23.0%

🔸Módulo de elasticidade: 200 GPa

🔸Módulo em massa (típico para aço): 140 GPa

🔸Razão de Poisson: 0.260

🔸Módulo de cisalhamento: 79,3 GPa

🔸Durezas:  Brinell 145 e Rockwell (HRC) 55/62.

Propriedades SAE 1020

🔹Resistência à tração (final): 394.72 MPa (57249 psi)

🔹Resistência à tração (produção): 294.74 MPa (42748 psi)

🔹Alongamento na ruptura (em 50 mm): 36.5%

🔹Redução de Área: 66.0%                    

🔹Módulo de elasticidade (típico para aço): 200 GPa (29000 ksi)

🔹Coeficiente de Poisson: 0.290

🔹Durezas:  Brinell 145 e Rockwell (HRC) 55/62.

Tratamento térmico

ASTM A36
  Têmpera Para cementação ou têmpera e revenido (água, salmoura ou banho de sal)
Normalização 899° C – 954° C
Recozimento 843° C – 871° C
Alívio de tensão 677° C – 927° C
Endurecimento 788° C – 816° C
SAE 1020
Têmpera Realizada diretamente após a cementação; temperatura até 840-850ºC.
  Revenido Deve ser realizado imediatamente após a têmpera quando a temperatura atingir cerca de 70ºC. É realizado em temperaturas entre 150-200ºC.
Recozimento Temperatura entre 850-870ºC por no mínimo 1 hora para cada 25 mm. Resfriar lentamente no forno.
Normalização Temperatura próxima de 920-950ºC por no mínimo 1 hora para cada 25 mm. Resfriar ao ar.
Cementação Cementação em caixa, a gás ou em banho de sal. Temperatura entre 900-925ºC. Deve ser seguida pelo beneficiamento.

Diferenças no uso

Abaixo você confere se o aço A36 ou 1020 é o mais indicado para sua necessidade.

A cantoneira é apenas um dos usos indicados do ASTM A36.
Cantoneira de ASTM A36.
A36 1020
– Pontes;
– Estruturas de equipamentos;
– Passarelas;
– Edifícios;
– Plataformas de petróleo;
– Cantoneiras; – Barras redondas (ou chata / quadrada);
– Perfis (I, U e T).
– Peças de caminhões, automotivas e de equipamentos agrícola;
– Eixos, eixos de motor, eixos de bomba;
– Peças mecânicas;
– Parafusos de cabeça;
– Catraca;
– Engrenagem leve;
– Acionadores de engrenagem, engrenagem sem-fim;
– Suporte de assento;
– Tambor de cabo de guindaste;
– Roda de freio motor, etc.

Aço A36 ou 1020: qual escolher?

A melhor escolha depende principalmente da aplicação pretendida. Para te ajudar, vamos deixar abaixo como sugestão nosso e-book gratuito que traz os principais fatores que devem ser levados em conta na hora da escolha do aço. Basta preencher o formulário que o e-book grátis chega no seu e-mail.

E-book grátis: ➡️ Guia de seleção do aço: como escolher?

Se você ainda tiver dúvidas de qual dos dois, aço A36 ou 1020, é o mais indicado para sua indústria, entre em contato com nossa equipe. Será um prazer te ajudar com a sua demanda! Contamos com um vasto estoque dessas duas ligas de aço para pronta-entrega.

➡️ Quero entrar em contato

« voltar topo ↑