Metais não ferrosos são aqueles que não contêm ferro como constituinte principal ou metal de base. Esses metais têm aplicações industriais devido ao seu processo de conformação mecânica (como laminação, forjamento, fundição, soldagem e usinagem), condutividade elétrica e térmica, resistência à corrosão, leveza, etc.

Os principais metais não ferrosos usados ​​em aplicações industriais são cobre, alumínio, bronze, latão. Mas existem uma infinidade de opções, de acordo com a necessidade do projeto industrial! Abaixo você confere tudo sobre o assunto!

A Aços Nobre é uma distribuidora de ligas de aço e de metais não ferrosos de Sorocaba. Estamos há mais de 25 anos oferecendo às indústrias da região os melhores materiais pelo preço justo! Solicite seu orçamento online, nossa equipe retorna em breve para conversar sobre sua necessidade em metais!

Solicitar Orçamento

Você também pode achar interessante saber:

➡️ Dureza Brinell, Rockwell e Vickers

➡️ O que são ligas metálicas?

➡️ Saiba tudo sobre o latão

Conheça os principais metais não ferrosos usados na indústria.

O que são metais não ferrosos?

Quando um metal é definido como não ferroso, quer dizer que não possui uma quantidade significativa de ferro em sua composição química. ‘Significativa’ porque quase todas as ligas metálicas têm algum traço, ou quantidade não significativa de ferro em sua composição. Porém, isso não os torna ligas ferrosas.

Ligas não ferrosas geralmente têm composições de ferro de menos de 1% conforme medido em peso. Se o ferro constitui uma grande porcentagem de um metal, como se fosse o primeiro ou o segundo elemento mais abundante na composição química do metal, então o metal é considerado ferroso.

Principais propriedades dos metais não ferrosos

É quase impossível definir as propriedades comuns de metais não ferrosos simplesmente porque existe uma grande variedade de metais que se enquadram nesta categoria. Alguns metais não ferrosos são duros e quebradiços, alguns moles e dúcteis.

Alguns metais não ferrosos são feitos para aplicações criogênicas, outros são feitos para resistir a temperaturas extremamente altas. Existem muito mais diferenças do que semelhanças entre os diferentes tipos de metais não ferrosos.

No entanto, todos os metais não ferrosos têm uma coisa em comum: eles não enferrujam. Isso não quer dizer que eles não corroam. Vários materiais não ferrosos podem ser bastante vulneráveis ​​à corrosão.

Quando se diz que eles não enferrujam, isso significa que eles nunca formarão o metal escamoso vermelho que é onipresente entre as peças de aço e ferro que não são protegidas de ambientes corrosivos. Isso porque a ferrugem é óxido de ferro.

Outra característica dos metais não ferrosos é que eles não são magnéticos. Conheça abaixo as propriedades e usos dos principais metais sem ferro na indústria!

Alumínio

Alumínio é um dos metais sem ferro mais utilizados na indústria.

Na sua forma não modificada, apresenta uma cor prateada. Sem a adição de elementos de liga, é mais dúctil e não tão forte quanto muitos aços. No entanto, por meio da adição de elementos de liga e tratamento térmico ou endurecimento por trabalho, o alumínio pode atingir resistências muito altas.

O alumínio é mais leve do que o aço. Forma uma camada protetora de óxido que ajuda a reduzir o risco de corrosão prejudicial.

➡️ Orçamento online de liga de alumínio 6351 t6

As aplicações comuns do alumínio incluem equipamentos marítimos, como elevadores de barcos e docas; equipamento aeroespacial, como material de corpo de avião; material de construção, como vigas e trilhos; e certos tipos de utensílios de cozinha.

➡️ Descubra tudo sobre ligas de alumínio – Blog

Cobre

O cobre e suas ligas são metais não ferrosos com bastante aplicação na indústria.

O cobre é outra liga sem ferro muito popular. É um metal com uma cor entre o vermelho e o marrom. Em seu estado sem liga, ele também é mais macio, mais dúctil e não tão forte quanto o aço carbono. No entanto, semelhante ao alumínio, o cobre pode ser ligado a uma variedade de elementos para ganhar propriedades mecânicas aprimoradas.

Quando o cobre é ligado ao estanho, é considerado bronze. Quando o cobre é ligado a quantidades significativas de zinco, é denominado latão. Sua característica mais importante é a elevada condutibilidade elétrica e térmica.

➡️ Peça um orçamento online de cobre eletrolítico

Os usos comuns de cobre puro e suas formas de liga incluem componentes elétricos, como fios, terminais e outros tipos de conectores; moeda como o centavo dos Estados Unidos ou canadense (embora apenas como um revestimento); tubo para encanamento, ferramentas e trabalhos decorativos.

Bronze e Latão

Barras quadradas de bronze.
Barras de bronze.

Bronze e latão foram os primeiros metais fundidos pela humanidade na Idade do Bronze. Eles são derretidos em temperaturas muito mais baixas do que os materiais ferrosos, e eles fundem bem os detalhes, por isso são frequentemente usados ​​em aplicações decorativas, como estátuas.

➡️ Saiba mais sobre bronze Tm23 e Tm620

Essas ligas de cobre são mais macias do que aço, mas são resistentes à corrosão mesmo na presença de sal. Portanto, esses metais são usados ​​em aplicações marítimas padrão, como acessórios em barcos.

O latão também é resistente ao “desgaste”, que é o desgaste do metal contra si mesmo, e então o latão às vezes é fundido para peças mecânicas, como hélices marítimas – ou usinado para rolamentos e zíperes.

➡️ Orçamento online de latão CLA 360

Barras redondas de latão.
Barras de latão.

Outros metais não ferrosos

Veja mais 3 metais não ferrosos bastante utilizados em diferentes setores industriais.

Zinco

É obtido a partir de minérios de zinco como misturas de zinco e calamina. O principal minério de zinco é o sulfeto chamado esfalerita. Possui cor branco-azulada e tem brilho brilhante. Resiste à corrosão, mas é quebradiço em temperatura normal.

O zinco também é bastante utilizado na galvanização de aços e ferros.

➡️  Conheça nossa linha completa de aços e ferros

Níquel

O níquel é outra liga não ferrosa popular. É conhecido por sua tenacidade, capacidade de desempenho em ambientes de alta e baixa temperatura e resistência à corrosão.

O níquel não é frequentemente usado em sua forma pura e é comumente ligado a outros elementos para obter propriedades químicas e mecânicas superiores.

Usos comuns de níquel e suas ligas incluem equipamentos criogênicos, como tanques; equipamento aeroespacial de seção quente, como componentes da câmara de combustão; e equipamentos marítimos.

Magnésio

O magnésio é um metal muito útil tanto como metal puro quanto em ligas. É muito leve, possui baixa resistência à corrosão e condutividade térmica bastante elevada.

Forma ligas muito úteis com alguns metais como alumínio, tório, zinco, zircônio e estanho.

Fornecedor de metais não ferrosos – Cotação online

Aqui na Aços Nobre, além de ligas de aço e ferro, você encontra metais não ferrosos para sua indústria. Solicite um orçamento online de metais com a nossa equipe e garanta o melhor custo-benefício do mercado. Respondemos rapidamente para atender sua demanda!

➡️ Quero uma cotação de metais não ferrosos

« voltar topo ↑